Papel do Power House na Dança

Porque o power house é importante para os bailarinas/dançarinas?

A dança assim com o método Pilates exige muito controle e fluidez. Buscar o alinhamento ideal é fundamental para evitar futuras lesões e melhorar o desempenho/performance, permitindo que o dançarino/bailarino execute seus movimentos de forma segura e com o minimo de esforço.

Os Princípios do método Pilates aplicados a dança, seja ela qual for, pode trazer diversos benefícios, onde o principal principio é o Controle de centro, que chamamos de Power house (casa de força).

O power house forte, facilita o alinhamento ideal e é extremamente importante para a precisão dos giros, saltos, aterrissagens, e no caso do Ballet Clássico, melhora a técnica da ponta (in pointe).

A respiração, um dos princípios de Joseph, também é importante na dança, para que haja resistência e força durante todo o espetáculo, sem perder o ritmo e delicadeza.Muitas vezes as coreografias são longas, exigindo força, resistência e ritmo, e a respiração controlada ajuda manter a leveza e fluidez durante todo o espetáculo, promovendo uma economia de energia, garantindo eficiência do movimento.

Antes do método Pilates ser conhecido e praticado por muita gente, os principais praticantes eram os bailarinos, tanto que é possível perceber algumas influências da dança no repertório de equipamentos. Como os bailarinos precisam ter um corpo forte, flexível, equilibrado e longilíneo, o método Pilates é perfeito!!!!

O Pilates, através da consciência corporal, promove a melhoria da técnica e o desenvolvimento de capacidades físicas e expressivas.  Existe uma grande conexão entre os princípios do Pilates e os elementos fundamentais da dança, em especial do ballet clássico.

Conclusão: cada dia que passa temos mais embasamento cientifico de que o método Pilates pode beneficiar todos os tipos de clientes, basta escolher um profissional bem capacitado!!!

Se o Pilates traz tantos benefícios, imagine o Pilates Dance e as novas técnicas que associam de alguma forma o Pilates e a dança?

 

Deixe uma resposta